quinta-feira, 2 de agosto de 2012

Relacionamento com Deus, isto é possível ao homem?


Pense nesta pergunta: é possível ao homem ter um relacionamento com Deus? Como seria isto? Geralmente quando vamos atrás de novas amizades, procuramos, muitas vezes até inconscientemente, alguém que tenha as mesmas afinidades, os mesmos gostos, características semelhantes às nossas, porque é a maneira mais segura de começar um relacionamento durável de amizade. Já pensou em começar um relacionamento com uma pessoa mentirosa, enquanto você odeia a mentira? Penso que não duraria muito tempo. Quando pensamos no relacionamento com Deus, surge uma pergunta: como é Deus, para podermos nos relacionar com Ele?

O que nós podemos saber de Deus e como Ele é está revelado na Bíblia. Nela encontramos muitos de seus atributos! João, em seus escritos bíblicos, apresentou pelo menos três atributos de Deus em três declarações curtas e objetivas, são elas: Deus é espírito, Deus é luz e Deus é amor. Deus não é apenas espírito, amor e luz! Na verdade, os seus atributos são incontáveis, pois Ele mesmo é infinito, mas vou me delongar apenas nestes três.

Leiamos Jo 4.24: “Deus é espírito; e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade.” Quando João afirmou que Deus é espírito ele quis dizer que Deus é imaterial (não possui forma) e é incorpóreo (não possui corpo). Deus não tem forma como um bolo quadrado tem a forma quadrada ou um bolo redondo tem a forma redonda. Igualmente, nós não podemos usar os nossos cinco sentidos para perceber Deus como percebemos nossos amigos humanos. Não podemos ver a Deus, ouvir a voz audível de Deus, apalpar a Pessoa de Deus, etc. A própria Bíblia afirma que ninguém jamais viu a Deus, exatamente porque a natureza de Deus é espiritual. Então eis uma pergunta lógica: já que Deus é espírito, é possível ao homem se relacionar com este Deus tão invisível?

A Bíblia ensina que sim! Ela diz que mesmo o homem não podendo ver a Deus, Deus ao longo da história respondeu muitas orações de muitos homens santos que tinham um relacionamento de intimidade com ele. E você? Você também tem um relacionamento de intimidade com Deus? Infelizmente, muitos, para se relacionarem com Deus, precisam fazer uma imagem dele, uma estátua de Jesus Cristo ou precisam ir para certos locais, se não, não podem adorá-lo, se não, não podem se relacionar com Deus. Outros ainda têm a triste ideia de que quando não estão na Igreja não veem a necessidade de adorar a Deus. Mas a passagem que lemos nos ensina que devemos adorar a Deus com a nossa vida, com o nosso coração. A passagem nos ensina que precisamos desenvolver a nossa intimidade com Deus, apesar de não vermos a Deus, porque é assim que os verdadeiros adoradores O adoram: sem a precisão de terem qualquer tipo de fotografia ou estátua do que é celestial. Como você tem adorado este Deus que é invisível? Como você tem desenvolvido seu relacionamento com Deus?

Agora leiamos I Jo 1.5: “Ora, a mensagem que, da parte dele, temos ouvido e vos anunciamos é esta: que Deus é luz, e não há nele treva nenhuma.” João também declarou que Deus é luz. Esta é uma expressão de sua santidade e pureza. Dizer que Deus é luz, é dizer que ele é santo, é puro. Isaías expressa este atributo de Deus dizendo que Deus é santo, santo, santo, indicando sua singularidade e absoluta pureza. A santidade de Deus indica que Ele está separado da criação e está acima dela. Ele é o Deus transcendente, o Deus superior! Um fator importante a ser lembrado é que Deus não se mistura com o pecado. Veja que João destaca que nele não há nenhuma sombra de trevas, de pecado. O interessante é que enquanto Deus é santo, santo, santo o homem é pecador, pecador, pecador, pecador; então eis uma pergunta lógica: é possível ao homem se relacionar com este Deus tão Santo, enquanto o homem é tão pecador? É sim, é possível!

A Bíblia ensina que Jesus lava o pecado daquelas pessoas que creem nele. Você crer em Jesus? Se sim, então você tem livre acesso a Deus para um relacionamento de intimidade. Na verdade não há outro meio, se não for por Jesus para o homem se relacionar com este Deus tão santo. Acompanhe esta ilustração: Você consegue ficar quanto tempo olhando diretamente para o sol de 12 horas? Eu não consigo mais que meio segundo, se não ficarei cego. Agora imagine você ir ao sol até tocar nele, sempre olhando diretamente para ele. Isto é simplesmente impossível. Esta ilustração me parece que expressa um pouco da santidade de Deus! Nós não podemos vê-lo porque ele é muito santo, mas Jesus Cristo é quem coloca em nós uns óculos especiais que possibilita a nossa caminhada até Deus sem perdermos a nossa visão, de sorte que se não for por Jesus nunca chegaríamos até este Deus tão santo. Deus é santo, somos pecadores, mas por meio de Jesus podemos nos relacionarmos com Ele.

Leiamos agora I Jo 4.8,16: “Aquele que não ama não conhece a Deus, pois Deus é amor... E nós conhecemos e cremos no amor que Deus tem por nós. Deus é amor, e aquele que permanece no amor permanece em Deus, e Deus, nele.” Aqui encontramos João dizendo que Deus é amor. Ele não disse: Deus tem amor ou o amor pertence a Deus, não, ele disse, Deus é amor! A fonte do verdadeiro amor é Deus e Ele é a essência, a fonte de todo amor. O amor de Deus não é um sentimento inconstante, mas é uma decisão repleta de benevolência, graça e misericórdia. Ele sempre pratica o amor, nunca deixa morrer na teoria! Nós vimos isto na Meditação Bíblica intitulada: O Amor de Deus. A Bíblia está cheia de exemplos do amor prático de Deus, sendo o maior Jesus Cristo – Seu Filho. Pois, Deus enviou Jesus Cristo ao mundo para que o homem pecador contemplasse a glória de Deus e também para que fosse a permissão do nosso relacionamento eterno com Deus em amor. O amor de Deus, mediante Jesus Cristo, é a causa e a permissão para o nosso relacionamento com Deus Pai. Eu te pergunto: você já se rendeu ao amor de Deus manifestado na Pessoa de Jesus Cristo?

Na Bíblia encontramos muitos relatos de homens que tiveram relacionamentos bastante próximos com Deus. Então, é possível sim se relacionar com Deus! Na verdade Deus em sua soberania criou o homem para se relacionar com ele, desde o jardim do Éden, quando criou Adão e Eva, entretanto, por causa do pecado esse relacionamento foi quebrado. E ainda hoje, por causa do pecado, este relacionamento é quebrado, tornando impossível o relacionar-se com Deus se não for pela providência de Deus ao mandar seu filho Jesus como restauração desse relacionamento entre nós e Deus.

Caro leitor, é possível ao homem se relacionar com Deus, mesmo ele sendo espírito, santo e amor? A resposta é sim, apenas mediante Jesus Cristo. Então, peça a Deus para você se relacionar com Ele, peça a Deus para salvar a sua vida. Arrependa-se dos seus pecados e deposite sua fé em Cristo. E você que é crente? Como você tem desenvolvido o seu relacionamento com Deus? Como tem sido a sua vida de comunhão com este Deus que é espírito, que é santo e que é amor?

Que Deus te abençoe.

A serviço do Mestre

Tibério Bezerra


Nenhum comentário:

Postar um comentário